Tag: zeitgeist (page 1 of 3)

Quietude = Estagnação ?

JAMAIS! Devo exclamar.

A sociedade hoje em dia implanta muitos desejos/necessidades nas pessoas, são ordens arremessadas no espaço, esperando um olhar desatento, um inconsciênte despoliciado.
A frase imperativa invadi sua mente, e sistematiza sua capacidades, as ordena de acordo com as vibrações externas.

Devemos dar uma olhada cirurgica em nossos atos e padrões de necessidades que temos, pois muitas delas são inuteis e fazemos apenas por costume.

E depois de nos analisarmos deverá surgir mais momentos sozinhos, sem ter o que fazer ao primeiro olhar. Mas quem disse que ficar um instante parado, fora dessa onda de ações e reações é ruim? Pelo contrário.
O que falta muito nas pessoas hoje em dia, é se conhecer. Principalmente na época do fim da adolescência e começo de faculdade ou 20 e poucos anos, as pessoas não tem tempo pra respirar, e nessa idade é quando enchergamos o mundo de uma maneira ímpar, que muitas vezes jamais irá voltar a acontecer.

Estar silenciado, na quietudade, significa alcançar a si mesmo, uma parte que a maior parte do tempo se encontra subjugada pelo caos e movimentação externa.

Ter contato com seu eu interior acontece quando somos criativos, quando temos um Salto Quântico de Criatividade como diria Amit Gowsami, ou Satori em japonês, ou Moksa como se diz na india. É fazer algo que realmente venha do seu interior, que ti represente totalmente e que seja tudo de uma vez.

Como antiagamente na época dos reinos na Europa, apenas o primeiro filho iria herdar o reino então os outros livros não tinham ocupação, e todos eles vendo sua falta de objetivo ou funcionalidade no reino acabavam virando cantores, músicos, pintores e dançarinos, artes que ao meu ver necessita de criatividade para se fazer bem. O que quero dizer é que a quietudade nos faz aprender e fazer coisas envolvidas muito mais com nós mesmo do que simplesmente fazer parte de alguma coisa grande apenas por Status ou Funcionalidade Social. Isso é o que mais é valorizado hoje em dia, como um dever vital que já nascemos encarregados de cumprir, e quem se desvia desse caminho programado é tido como Corrupto dos Padrões Sociais, ou seja vagabundo ou alguêm que não presta.

Muitas Pessoas tem medo do Projeto Vênus, ele é apresentado no documentário Zeitgeist 2 Addedum já postado aqui no Destruidor de Dogmas. E essas pessoas tem medo, pois numa sociadade que teoricamente se aproximaria da perfeição o que as pessoas fariam se não quisessem ser uteis? Pois você poderia trabalhar no que quiser, e se existisse muitas coisas que facilitassem a vida, como aparato automáticos e robóticos, o que um ser humano que não queira se engajar faria?

Veja que a história pode se repetir denovo, as pessoas com medo ainda não descobriram a quietude.

Silencie-se para descobrir quem és.

A catarse acontecerá uma hora ou outra.

E ela tem mão dupla.

Documentário: Paradise Or Oblivion – Paraíso ou Esquecimento

Tudo é Utopia pra quem é ignorante.

E isso meus amigos, quem consegue ver possível são só as pessoas que conseguiram se desprender dos tentáculos da sociedade e mídia.

Não deixemos nossas diferenças para trás, temos que dar outro significado para elas, o verdadeiro, diferenças nos fazem ricos, mais interessantes e únicos, elas devem ser celebradas e não domadas.

Temos que suprir as necessidades básicas da humanidade para começar a cortar o trabalho braçal e substituir com máquinas, só assim teremos tempo, disponibilidade  e e chance de cultivar nossa criatividade ao limite.

A função do homem primeiramente é crescer, não é preciso um sistema político de competição e imoralidade para tirar isso do homem, ele já nasce com a curiosidade e o desejo de fazer algo que signifique, que o reconecte consigo fazendo-o esquecer de tudo, como músicos que ficam extremmente concentrados quando tocam, estão em sintonia com o seu Deus, com eles mesmos, e consequentemente com o mundo.

Documentário sobre o Projeto Vênus. Veja mais videos sobre o assunto aqui.

Site Oficial: http://www.paradiseoroblivion.com/

Palestra: Para onde Vamos? – Zeitgeist

Ótimo video, como se espera do Movimento Zeitgeist.

Teleologia e Sociedade

Como Atlas, todos temos seguramos o planeta. O que faremos com ele?

Olá pessoal, hoje estou postando algo que é de um grande colaborador nosso, o Eduardo Cruz, que vai contribuir muito com nosso site. Esse texto ele fez como resposta e complemento a um de meus posts, aquele sobre teleologia (para ler, clique aqui). Vou deixar a resposta dele, que nos chegou por e-mail, na íntegra, somente ajustando algumas coisas para tornar mais fácil a leitura.

Agradeço Mako e Hugo, por esse post. Com humildade afirmo que não conhecia o termo Teleologia. E após ler e refletir sobre as questões propostas em seu post, eu concordo com você. Nos falta teleologia…! Isso de certa forma justifica a obsolência dos nossos atuais valores morais, da nossa ética. Digo isso pois me parece evidente a existência de um processo de evolução. É evidente que a natureza evolui, de um estado para o outro, agrega, acumula experiências, interage com/nos os diversos níveis de ambiente.

 Eu não sinto as “coisas” com propriedade. Não há evidências para mim de que exista “ideias próprias”, em indivíduos distintos. O que há é a possibilidade de alguns indivíduos, se conectarem, “sintonizarem” com essa busca (das finalidades, por exemplo). A capacidade existe em cada ser humano! Como um músico disse uma vez, que não tinha “criado aquela” melodia, apenas captado, esbarrado, se sintonizado na frequência daquela possibilidade…

Continue reading

Video: Simbiose

Perceba a conexão.

Dica do Leitor Eduardo Cruz.

Respeite Minha Religião

Nessa fase da minha vida de muito trabalho e busca pelo deus mais popular do século XXI – o Sr. Dinheiro –  é tão bom encontrar pessoas que expressam o que sinto! Além de me economizar tempo e “penso”* para organizar a escrita, acabo por me expressar sem me atrapalhar com as palavras!

*penso = a trabalheira de pensar, segundo uma mulher muito prática! Um dia conto a historinha desse “neologismo”.

Então, abaixo está um texto da escritora  Dorothy Murdock, mais conhecida  como “Acharya S”expert em religião. O texto foi traduzido pelo querido fundador deste site: o Mako, a quem sou grata! E o texto expressa o que sinto com relação as religiões, e vou além: quando as pessoas trocarem as religiões dos homens por Meditação, aquela que leva ao autoconhecimento e consciência, então o amor florescerá!

“Respeite minha religião” texto de  Acharya S

“Nos dizem freqüentemente para “respeitar a religião das pessoas.” Em primeiro lugar: muitas idéias religiosas são muito desrespeitosas para com o ser humano, assim, não merecem ser respeitadas. Em segundo lugar: e a troca sobre as pessoas respeitarem a nossa religião?

A palavra “religião” vem do latim religiō, que significa, dentre outras coisas, “consciência” ou “escrupulosidade.” Em minha perspectiva da realidade, eu me esforço para ser extremamente escrupulosa e consciente. Portanto, alguém poderia me chamar de “religiosa” e minha perspectiva de “religião”. Continue reading

Prosperar: O que será Necessário na Terra? – Thrive

Esse filme é altamente recomendável para quem gosta do Zeitgeist e outros documentários que pedem por mudanças no mundo, fala muita coisa boa sobre os símbolos das religiões e cropcircles e conseguem ver aonde eles podem se aplicar e o que isso faria caso aproveitássemos esse conhecimento. Aqui mesmo no DDD já abordei várias das idéias apresentadas, por favor pesquisem no site caso queiram saber um pouco mais sobre um assunto específico.

Sinopse: Thrive é um documentário não-convencional que levanta o véu sobre o que realmente está acontecendo em nosso mundo – descobrindo a consolidação mundial do poder em quase todos os aspectos de nossas vidas. Tecendo avanços na consciência, ciência e ativismo, Thrive oferece soluções reais, capacitando-nos com estratégias inéditas e ousadas para a recuperação de nossas vidas e nosso futuro.

Agradeço ao André Graneto pela dica.

Página Oficial
Trailer
Download: FilmeLegenda

Video: Permissão para um Mundo Livre

1- A maior preocupação da humanidade é o Combinado o bem comum da comunidade humana, a biosfera e sua biodiversidade.
2- A vida, em todas as suas formas, é rara, preciosa e livre para florescer dentro do comum e uma boa.
3- Cada pessoa é um cidadão igual da comunidade humana, sem o estigma, o rótulo ou privilégio.
4- Cada pessoa tem acesso a todas as exigências de uma vida saudável, sustentável e cumprindo, livremente e sem subordinação a dívida ou obrigação.
5- Toda a energia e os recursos de que dispomos são a propriedade comum de todas as pessoas, e são alocados de acordo com as necessidades do comum e uma boa.
6- Cada pessoa aceita que os recursos mundiais são limitados, ea necessidade de consumo mínimo e dos resíduos.
7- Cada pessoa reconhece que se trata de uma única peça de uma única comunidade, que conta com todos os seus membros de forma igual para a sobrevivência e progresso.
8- Nós reconhecemos a eficácia ea imparcialidade do método científico e sua aplicação como nosso principal meio de resolução de problemas.
9- Reconhecemos a necessidade de uma educação relevante para os nossos filhos e nosso dever de cuidar de membros da comunidade são incapazes de contribuir ou manter-se.
10- Cada pessoa aceita a nossa responsabilidade colectiva de pessoas ainda não nascidas, e manter uma biosfera diversificada e sustentável para as gerações futuras possam desfrutar.

 

Acho que a maioria das pessoas se perguntam como uma sociedade pode ter essa mudança de paradigma sem acabar com os recursos naturais, pois temos muitas pessoas no mundo, e se tudo for de graça todos quereremos tudo. O que é uma idéia completamente errada, pois nossa mente ocidental pode imaginar essa impossibilidade, mas quando se vê pelo mundo o que acontece quando temos pessoas mais educadas (escolas e faculdades), vê-se que as pessoas tem consciência que ter muitos filhos é desnecessário e prejudicial para o ambiente, como podemos ver no ótimo documentário da BBC, “Quantas Pessoas Podem Viver no Planeta Terra?”.

 

Documentário: Zeitgeist Moving Foward Legendado

Fico muito feliz quando o que divulgo e escrevo aqui coincide bastante com documentários ou pensamentos de pessoas que querem achar soluções para o mundo, esse é um documentário que nós que procuramos mudanças devemos apoiar. E vou escrever um pouco sobre o que Peter Joseph fala nele.

Quanto mais automotizado o trabalho, menos trabalhadores se terá, quanto menos trabalhadores menos poder de comprar o povo terá, quanto menos dinheiro circular, menor a economia vai crescer. Economia essa baseada em ineficiência, pois quanto problemas a sociedade tiver, quanto mais doenças durarem, quanto mais miserável for sua vida, mais é possível tirar lucro disso. Mas isso tem um limite. Quando as bases da nossa sociedade se esgotarem ou alcaçarem um limite inaceitável de pobreza em massa e consequentemente fome, ele irá colapsar.  Pois não haverá mais um ciclo, o 1% da população que retém 40% das riquesas não conseguiram sozinhos fazer a economia mundial girar, pois volto a dizer, a economia só gira através de falhas, problemas e produtos que não duram, e esse 1% da população não é tocado pela economia que afeta a classe média e baixa, portanto eles mesmos não poderam mais lucrar, dando assim o começo da era do fim do dinheiro.

Epigenético: Uma família tem histórico de doenças, como câncer ou doenças do coração, e as pessoas julgam ser genético tal disposição à doença, mas na verdade poucas pessoas realmente tem o gene da pré-disposição da doença, e dessas pessoas poucas realmente teriam a chance de ter a doença, mas não é o que acontece hoje em dia. O que nos leva  a crer que na verdade na verdade não é gene que é determinante, e sim o ambiente e o modo como vivememos, pois se uma família vive comendo as mesmas coisas e passando por mais ou menos as mesmas experiências, logo devemos ver o porque o ambiente nos trás tais malefícios. Em um estudo demonstrado no filme do Zeitgeist fala-se que na verdade nosso DNA é moldável de acordo com o nosso ambiente, tal efeito é chamado epigenético, e que o paradigma de hoje está errado, pois tratamos o DNA como fonte de tudo para o nosso corpo, mas sabendo-se que ele é moldável a partir de experiência, como a violência por exemplo, que é ativada através de uma experiência da infância muito negativa. Deve-se mudar o paradigma de tratamento de doenças e prevenções a partir dessa descoberta.

Uma Ecônomia onde se leva em consideração o verdadeiro e original sentido da palavra Economizar, pensar com cuidado como usar, onde usar, de que maneira distribuir, e como equilibrar nossos recursos naturais. É com certeza a forma mais inteligente de se construir uma cidade e viver nela, considerando a evolução tecnológica como um dos fatores principais se não o mais importante desse novo tipo de sociedade, uma baseada em eficiência e igualdade, não em ineficiência e lucro que é o que acontece hoje, gerando apenas sofrimento para a grande parte do mundo.

Espero que vejam os outros filmes e as dicas de posts que deixei abaixo, qualquer dúvida vocês podem comentar aqui, me mandar email ou mesmo entrar no site oficial do zeitgeist que tem um FAQ bem completo lá.

Para BAIXAR o filme em torrent CLIQUE AQUI. Para Legenda entre no site Legenda.tv ou clique aqui.

O torrent em formato ISO e padrão NTSC está disponível aqui: http://thezeitgeistmovement.com/Zeitgeist.Moving.Forward.2011.NTSC.DVDR-VODO.torrent

Posts Relacionados:

Vênus Project:
Video Explicativo do Projeto Vênus
Documentário: Futuro Pelo Design

Tudo Sobre Jacque Fresco e o Projeto Venus
Quietude = Estagnação?
A Sociedade Perfeita

Zeitgeist Movement:
Filme: Awakening

Sinopse do ZeitGeist Movement
Filme: ZeitGeist
Filme: Zeitgeist Adeddum

Reserva Federal:
Explicando o Sitema da Reserva Federal

Epigenético:
Cientista Genético do Futuro
Documentário: Gerson’s Miracle

Tudo sobre Projeto Vênus e o Jacques Fresco

Parte 2

Parte 3

As outras partes estão sem legendas, mas podem ser encontradas nesse link, Clique aqui.

Video: Jacques Fresco Entrevista com Larry King

Video: Idéia do Projeto Venus apresentado por Peter Joseph (Criador do filme Zeitgeist)

Introdução ao Projeto Vênus:

Como muitos dos que frequentam esse blog já sabem que esse é o criador do Projeto Vênus, e esse são vários videos que dão uma idéia de quem ele é e do que ele pretende com esse projeto de reestrturação da humanidade.
Eu pessoalmente gosto bastante do Projeto Vênus, pois além de ser em muitos aspectos muito melhor do que a realidade presente, ele mostra que há soluções para a sociedade, claro, devo ressaltar que isso tudo só seria possivel com um grande engajamento social e com uma diminuição da população mundial.

Se pudesse resumir o Projeto Vênus em uma frase grande seria:  Ele é um projeto que visa em sua essência mudar o comportamento das pessoas de acordo com o ambiente em que vive, ou seja, a idéia é fazendo um ambiente bom para que podessemos ter boas pessoas vivendo conosco num sistema de governo que seria a real democracia, sem chefes, sem dinheiro, sem impostos, energia de graça, parques ao milhares, e tudo auto-sustentavel e super tecnologico, utilizando tudo isso somente para a melhor vida do ser humano sem prejudicar o planeta.

Tamém no projeto Vênus há uma coisa que deixa muitas pessoas com duvida sobre a vida em uma cidade do Projeto, Não há trabalho, tudo seria dado para as máquinas fazerem, e você trabalharia por vontade própria no que gostasse, sem rotinas, e quem não quisesse se empenhar em algo de trabalho poderia ir para as artes que é o que digo no post do mês passado: Quietude = Estagnação?

Para acessar o site oficial cliquei no link: http://www.thevenusproject.com/

Older posts