Tag: política

A Tecnologia vai ditar a “política” no futuro

Hoje em dia vemos a tecnologia mudar o mundo pouco a pouco, só no século passado tivemos milhares de invenções e todas mudando o no dia-a-dia quando lançados no mercado.

A eletricidade, o.microondas, o carro, computador, celulares, smartphone, todos foram implementados em nossas vidas, e vieram para ficar, até se tornarem outra coisa ainda mais.moderna.

Estamos chegando num momento crucial dá huamnidade, hoje políticos não estudados estão no poder com seus interesses próprios, e a cada dia nasce algo novo, como uber e outros apps que mudam como as cidades e pessoas se organizam, mas isso já está saindo do controle, ou melhor, do.meio observável dos políticos.

Em poucos anos com a ajuda de empresas como Tesla, Microsoft e Google iremos criar tecnologias novas numa velocidade tão grande que estaremos constantemente nos modelando as novas facilidades quanto mais complexo a vida se torna, mas dependeremos de ferramentas para dominar todo esse conhecimento.

A empresa Tesla, pra quem não sabe, é a empresa de Elon Musk, uma das pessoas que terá uma sessão só dele nos livros de história. Ele além de ter encabeçado a maior empresa de carros elétricos do mundo, vai colonizar Marte em 2022 e agora está começando a criar computadores que se comuniquem com o cérebro, fazendo a internet literalmente fazer parte de nós.

Tesla será a primeira empresa a custar 1 trilhão de dólares se tudo correr como está, justamente por investir nas coisas certas pra humanidade, coisas que mudarão e muito como pensaremos o nosso futuro.

E é exatamente esse o tópico desse texto, vai chegar uma hora que vão ser algumas poucas empresas que vão tomar a decisão de dar forma para a humanidade, e não instituições governamentais, será tanta invenção ao mesmo tempo que o governo já não poderá acompanhar, como já vemos hoje em dia.

 

Um líder digno.

pepe mujica

“No mais profundo de nosso coração, existe um enorme anseio de ajudar para que o homem saia da pré-história. Eu defino que o homem enquanto viva em clima de guerra, está na pré-história, apesar dos muitos artefatos que possa construir.” Pepe Mujica

 

http://youtu.be/OLef1zl7k4Q

Se você pensa que não existe sequer um líder digno nesse momento do mundo, fique feliz em saber que está enganado. O que falta é apoio maciço, claro, de milhões de pessoas, a quem é digno e vive de acordo com o que diz. Pepe Mujica, presidente do Uruguai, é um LÍDER com maiúsculas, um líder como o MUNDO precisa hoje. Leia o seu discurso. Mas se ficar com preguiça porque é longo, lembre-se: é por essa preguiça, essa inação e essa mesma indiferença que vivemos nesta sociedade que não interessa a ninguém, à exceção de meia dúzia.

Abaixo, a íntegra do discurso:

Continue reading

Entre a utopia e o dogmatismo: nós amamos no fio da navalha

“A utopia está lá no horizonte. Me aproximo dois passos, ela se afasta dois passos. Caminho dez passos e o horizonte corre dez passos. Por mais que eu caminhe, jamais alcançarei. Para que serve a utopia? Serve para isso: para que eu não deixe de caminhar.”

Eduardo Galeano

O que é uma utopia? Em primeiro lugar, a palavra se refere a um certo modelo de perfeição, a algo que existe sem falhas nem defeitos. Em segundo lugar, essa perfeição possui um caráter inalcançável. Deparando-se principalmente com esse último sentido, Eduardo Galeano, nesta bela frase, renova a importância de se ter uma utopia, um ideal pelo que lutar. A luta, para ele, é importante em si mesma, e não a obtenção do seu resultado último. Não é a toa que a última grande utopia social de nossa história, o comunismo, mesmo não tendo ocorrido de modo pleno, até hoje motiva inúmeros movimentos sociais. Não quero entrar aqui nos méritos do socialismo, nem em discussões políticas, mas sim no papel psicológico que os ideais de perfeição possuem em nossas vidas.

Creio que se deve pensar no papel das utopias a partir de duas posições diferentes:

  • Posição do revolucionário: aquele que luta contra determinado poder estabelecido, usa seu ideal como modelo de mudança, e busca sobretudo por ela. Seu ideal é importante para que as pessoas aprendam a ver o mundo com olhos diferentes, e ver que tudo pode mudar, e que mesmo a nossa revelia tudo muda;
  • Posição do reacionário: Chamo assim a posição daquele que está dentro do sistema de poder, quando os ideais que a pessoa defende se tornam os vencedores e dominantes dentro de um sistema social qualquer. Eles um dia defenderam a mudança, e seus ideais eram armas de luta contra a dominação. Entretanto, uma vez no poder, eles buscam defender o que conquistaram de qualquer forma de mudança. Assim, repetem as formas de ação que um dia praticaram…

 É claro que não existem essas duas categorias de pessoas, de forma pura. Todo revolucionário de hoje é um potencial dominador, a não ser que consiga manter a mente arejada, e deixe seu sistema sob o risco das mudanças, sem este risco, tudo o que sua utopia foi um dia se desmanchará no ar, assim como dizia Marx. Vocês devem ter visto que essa história de escravizado que vira carrasco não é nova. Quem leu “A Revolução dos Bichos”, de George Orwell, já conhece esse risco inerente a todo movimento revolucionário. Esse é um aviso a todos nós, pequenos ou grandes “destruidores de dogmas”, que debatemos nossas opiniões e rebatemos as grandes utopias do passado… tenhamos o cuidado de deixar o debate sempre aceso, e a cabeça arejada. Sei que Marx é hoje em dia criticado m muitos pontos de seus ideais políticos, mas acho ainda válida sua frase: “Tudo que é sólido desmancha no ar”

Ah, antes de terminar, deixo com vocês essa entrevista de Eduardo Galeano, na qual ele fala sobre sua ideia de utopia, confiram!

 

Como Polítcos vivem na Suécia

As pessoas são corruptas por natureza, trabalham esse defeito durante a vida, ou se corrompem ao ver uma oportunidade fácil de sair ganhando? Talvez um pouco de todas essas opções.

Devo dizer que existem modos para acalmar o espírito até da pessoa mais provável de se auto-corromper, e no caso da política o controle do dinheiro, liberdade de acesso, falta de futilidades levam pessoas sérias a serem representadas, pois não há como uma pessoa dessa se corromper, pois como mostra nos vídeos algumas trabalham de graça e/ou em casas muito pequenas, sem luxo total, e o melhor, os casos de escândalos no país são coisas ligadas a comprometimento e respeito com o dinheiro público, o que ajuda demais a criar uma “linhagem” de políticos honestos e sérios.

Uma pena esses videos/pesquisas não terem impacto no sistema político do Brasil, pois ainda temos a idéia conjunta de que “temos que nos dar bem”, e no fundo muitos brasileiros fariam o mesmo ao ver tamanha falta de fiscalização com os gastos públicos e mordomia desnecessária para com o representantes do país.

Não há mudança de lei se não há mudança de consciência.

Pelo menos deveria ser assim, se não a lei ficaria apenas algo arbitrário que não faria sentido para a mente do cidadão comum, não o  educando como conseqüência.

Video de Gastos com políticos no Brasil e no Mundo

O Silêncio Prevalece, Pecado Social.

Indiferença

-“Tudo bem, vamos ver no que dá”
-“Não posso fazer nada…”
-“Deixa eles farem o que quiserem”
-“Realmente não me importo com o que acontece lá, não me afeta mesmo”

Silenciar-se condena a evolução, condena a si mesmo.
Falar é se comunicar, é dar um pouco de si para os outros, é mudar o mundo a sua volta, silenciar-se é deixar que esse mundo e suas vozes ti oprimam, vozes essas cuspidas de alto-falantes, tv’s, rádios e revistas. São pesadas, são convincentes, são invisíveis.
As pessoas vivem com medo, e o comodismo reina em suas almas, o medo é televisionado, e com tanto terror na tv e gritos fora da janela qual seria a opção mais lógica?! Ficar quieto no seu canto, e viver mal, mas viver.
É infelizmente o que a maioria pensa, não temos líderes que pensem em nós, eles discutem hipócritamente se devem aumentar o salário deles ou não.
E é por causa desse silêncio que vemos tantas pessoas erradas no poder, além de entender de política, as pessoas que lideram deveriam enteder da vida, ser muito mais sábios do que inteligente, pois de nada adianta ter 3 faculdades e roubar o Brasil inteiro, Informação não necessariamente traz Caráter a pessoa.

Muitos dizem que nada adianta tentar ir contra a maré, mas que(me desculpe o termo) desnaturado não iria querer tomar as rédeas de sua vida?! Ser apático, indiferente, mudo perante ao erro ou profetizante caos é um Pecado Social, se vermos algo ruim devemos levantar os punhos e aumentar a voz, independente da mídia ou forma utilizada para jogar a água fria nas pessoas.

Quebre o ciclo silenciador, nesse salto há um universo de possbilidades.

Documentário: Muito Além do Cidadão Kane

Muito Além do Cidadão Kane é um documentário produzido pela BBC de Londres – proibido no Brasil desde a estréia, em 1993, por decisão judicial – que trata das relações sombrias entre a Rede Globo de Televisão, na pessoa de Roberto Marinho, com o cenário político brasileiro. – Os cortes e manipulações efetuados na edição do último debate entre Luiz Inácio da Silva e Fernando Collor de Mello, que influenciaram a eleição de 1989. – Apoio a ditadura militar e censura a artistas, como Chico Buarque que por anos foi proibido de ter seu nome divulgado na emissora. – Criação de mitos culturalmente questionáveis, veiculação de notícias frívolas e alienação humana. – Depoimentos de Leonel Brizola, Chico Buarque, Washington Olivetto, entre outros jornalistas, historiadores e estudiosos da sociedade brasileira. “Todo brasileiro deveria ver Além do Cidadão Kane”

VEJA AQUI!