Tag: movimento

Inventaram uma torneira geradora de energia através do movimento da água

Duas coisas que são fundamentais para vida moderna – água e energia elétrica – ainda são artigos de luxo em algumas partes do mundo. Sabendo disso, o coreano Ryan Jongwood criou uma torneira que gera eletricidade com o movimento da água no encanamento. Dá pra acreditar?

Chamada de ES Pipe Waterwheel, o conceito é semelhante ao aproveitamento de energia cinética dos moinhos de água, por exemplo. A eletricidade fica armazenada em lâmpadas específicas e, quando estão carregadas, são utilizadas para iluminação ambiente.

ES Pipe Waterwheel foi finalista no Prêmio IDEA, uma das principais competições de design do planeta. Além de muitos benefícios, o sistema é fácil de usar e instalar no encanamento já existente. Assista ao vídeo ilustrativo, logo abaixo:

Fonte: http://engenhariae.com.br/

A vida é sorte ou azar?

Sim e não, mas com ênfase no não. Estamos sujeitos ao acaso, somos criações das probabilidades, mas não quer dizer que somos resultado do acaso, mas de uma série infinita de ações, que ainda não terminou, desde a criação do universo.

O micróbio virou alga, que virou peixe, que virou anfíbio, que virou réptil e mamíferos e somos o resultado de milhões de anos de resultados probabilísticos.

E quando me perguntam se a vida é sorte ou azar, tenho que me esforçar em tentar explicar como funciona o universo e explicar primeiramente porque o universo não vai favorece-lo só porque você quer, ou por mais que você se ache merecedora de um destino divino ele não irá te ajudar (intencionalmente).

Devo falar que há sim estudos com relação a orações e o resultado prático disso, e tudo sugere que há efeito positivo, mas isso é algo a parte.

A questão de sorte ou azar implica que há ou não benefício para uma das partes ou se espera que aconteça algo, bom ou ruim para um indivíduo, um grupo de indivíduos ou mesmo objetos, astros, ou seja, qualquer coisa.

Allan Fred Wolf disse nos anos 80 que a mente consegue interferir na matéria, disse isso pois o experimento quântico de fenda dupla altera seu resultado quando há um observador, alguém olhando, uma consciência. E essa frase distorcida anos depois criou a religião do The Secret, um pseudo documentário, digno do history channel. Nesse movimento criado era divulgado que você poderia ficar rico se quiser, basta mentalizar, o que não é verdade.

Há estudos que provam que mentalizar afeta as chances de algo acontecer, mas de forma muito sutil, nada como uma intervenção divina, divisão do mar vermelho e etc.

Fazemos parte do universo, nossos pensamentos também, e o universo está todo conectado, mas são tantas as variantes que é melhor agir do que mentalizar, mas claro, também é um bucado mais difícil, e todo mundo quer o jeito mais fácil de resolver as coisas.

Existe gente que é mais “sortuda” na vida, claro, mas isso é a gente que coloca uma qualidade, esperando que haja significado nessa sorte ou azar, mas as coisas não tem esse tipo de qualidade, pelo menos do jeito científico de olhar a vida, e isso me leva a um outro ponto.

A questão de sorte ou azar no mundo espiritual, na organização sutil do universo, invisível aos olhos “normais”, vamos falar sobre isso.

No espiritismo se acredita que nossos espíritos planejam a vida que teremos encarnado, pois ele sabe que qualidades devemos trabalhar, e isso leva em consideração sucessos e falhas, seja elas uma vez ou que dure anos, como vemos na novela ” além do tempo” de forma brilhante. Quem não viu, assista.

Não importa o que você acredita tenha algo em mente, nada é por acaso, seja ela resultado de um plano divino, seja ela resultado de uma série praticamente infinita de ações conjuntas que resultou no dia de hoje.

Somos o resultado de muito trabalho, de muita história, mas o destino a gente sabe que não é escravo, todo plano mesmo que divino pode falhar, ou melhor, seguir pela menor probabilidade, então é você que faz a sua vida ter sucesso ou não.

E não, você não vai ter sucesso 100% do tempo, se não há dificuldade não há como você se conhecer, e ser o melhor que pode ser.

*Dedicado a Aline vieira

Firefly: A cadeira de rodas hiper rápida

Conheça a invenção que irá dar uma liberdade para os cadeirantes nunca imaginada antes.

Hoje em dia mesmo nas melhores cidades não são todos os espaços que são pensados para pessoas com deficiência física, e isso inclui ônibus, metros, calçadas, que apesar de terem suas boas intenções não atendem totalmente as necessidades de um cadeirante.

É certo que hoje em dia já existem alguns tipos de exoesqueletos que possibilitam pessoa que perderam o movimento das pernas andarem de volta, mas essa nova invenção chamada Firefly, vagalume em inglês, poderá fazer com o que os cadeirantes tenham um mobilidade extremamente maior, além d e poder andar melhor em calçadas poderão até se comparar a bicicletas em velocidade, um enorme ganha para sua mobilidade.

E seu preço não é nenhum absurdo para o ganho que proporciona, apenas 2000 dólares.

Enquanto o exoesqueleto não fica pronto para comercialização muitas pessoas poderão se beneficiar dessa cadeira.

 

 

pediatric-firefly-1400x800

Site oficial: http://riomobility.com/en/powerhandcycle/firefly-features.html

 

Gene Sharp e a Revolução sem violência

 

Por todos os dias de protestos que temos tido no Brasil, as pessoas sempre demonstram buscar alternativas de ação e estratégias organizacionais, especialmente quando estas são baseadas em experiências anteriores. O Livro de Gene Sharp tem sido um guia para protestos e mudanças em todo o mundo, tendo influenciado desde o movimento da Praça da Paz Celestial em Pequim, a revolução na Servia e muitos outros movimentos com suas idéias de substituir a violência por atitudes socialmente revolucionárias, frequentemente baseadas na retirada do apoio do povo às tentativas de ações promovidas pelo regime ao qual se opõem. No Brasil de hoje, vivemos uma realidade bastante diferente de uma guerra; mas apesar disso, me pareceu de extrema importância e muito oportuna a divulgação das ideias deste Nobel da Paz. Assim, aqui temos o link para o Documentário completo legendado, e o link para o livro:

http://bibliot3ca.files.wordpress.com/2011/03/da-ditadura-a-democracia-gene-sharp2.pdf

. Todo o material constante nesta publicação é de domínio público e pode ser reproduzido sem a permissão de Gene Sharp. Citação da fonte e notificação à Instituição Albert Einstein para a reprodução, tradução e reimpressão desta publicação são apreciados.

Porque votar nulo? Questionem-se, inovem!


É óbvio que se 50% mais um votarem nulo a eleição não será anulada. Alguém achou que o sistema abriria uma brecha dessas? Não votamos nulo para anular uma eleição, isso apenas adiaria a escolha de um representante, votamos nulo porque não acreditamos neste sistema e não queremos tomar parte dele, existem propostas melhores do que a política representativa, como a democracia direta e a auto-gestão.

Desde pequenos somos educados nas escolas e igrejas que votar é exercer nosso papel como cidadão. Ensinam-nos a respeitar os limites políticos, a nação, a pátria e todos seus símbolos como bandeira e hino, a respeitar a figura do soldado e a do policial de modo que passamos a ver nosso país como algo “sagrado”, um senso comum que raras pessoas ousam questionar. Mesmo quando as coisas não vão bem, quando há corrupção, ainda assim os valores nacionalistas implantados falam mais alto, fazendo com que toda a revolta do povo seja amenizada ou redirecionada aos líderes e representantes. Então vem a idéia: vamos livrar nossa pátria amada dos terríveis corruptos, vamos reformular todas as leis e tornar nossa nação um lugar melhor. Essa é a idéia de muitos que acreditam estar lutando por uma revolução, mas existe uma grande diferença entre revolução e reforma!

O problema não são os corruptos, o problema é a nação, é a pátria, é o sistema! O nacionalismo é um modo astuto de manter o sistema de pé, ele faz com que acreditemos que não existe outra forma de viver senão seguindo uma nação, senão elegendo um representante. Isso foi muito bem arquitetado pelo sistema e é deste modo que eles te manipulam a acreditar que seu papel nesta sociedade se resume em votar e policiar os candidatos para ver se eles fazem tudo que prometeram. Nem se eles fizessem tudo que prometem, um candidato pertence a um partido, defende interesses de uma parte da população, não da população, mesmo se exercer um bom papel de representante, não representa a todos! É um sistema de luta e embate, um sistema onde partidos batalham pelo poder, um sistema onde a vontade de um grupo tenta massacrar a vontade de outro grupo e o seu voto é a força motriz das engrenagens deste sistema podre!
Continue reading

Site Zaanga – Mobilizando contra a falta de Respeito das Empresas

 

Um site com o único intuito de unir as pessoas descontentes com os serviços oferecidos pelas diversas empresas que somos dependentes para conseguir o que precisamos e fazer delas uma voz só com muito mais força.

Esperemos que algo mude com isso.

Colisão, um evento Humano

Se esses animais “colidissem”, eles seriam exterminados a muito tempo ou estariam a caminho disso.

Nós, estamos a caminho disso.

Podemos observar na sociedade que não estamos em sincronia com o mundo e nem com os elementos que a compõe, e se pararmos alguns segundos para pensar no assunto conseguimos ver claramente as coisas que incomodam, e o quais são os valores impostos por ela, e claro, nós sabemos de todos eles, mas nos deixamos ser engolidos por eles muitas vezes, apesar de termos consciência deles.

Podemos citar aqui o tanto que há dilemas morais em histórias contadas hoje em dia em séries, filmes, livros, posso citar aqui um dilema da história Os Substitutos, quadrinho e filme, no final nosso herói fica na dúvida se deve destruir todos os robôs para as pessoas começarem a viver suas vidas naturalmente denovo ou continuar com esse rumo que a sociedade tomou, que parece tão doente quanto a nossa hoje em dia.

Deixamos de ser um organismo gigante, pois valorizamos coisas individuais, solitárias, andamos em grupo pensando em nós mesmos apenas, para a maioria no final o grupo não importa mais que você. Esse sentimento só é desperto na gente em horas específicas, mas sempre está lá, e só o nosso conjunto de valores irá determinar se agiremos por nós mesmos, ou pelo grupo inteiro.

Veja a forma como olhamos esses videos, achamos isso impossível, improvável, estonteante, pois não conseguimos conceber a idéia deles (os animais) todos juntos andando num ritmo harmonioso e beirando o caos algumas vezes, mas mesmo assim tudo se encaixando, ninguém esbarrando nos outros, atropelando os outros, e pensando “cada um por si, valorizo minha vida mais que a dos outros”, é algo incrível o que conseguimos ver na natureza, algo tão sutil que mostra uma colossal falha no nosso modo de pensar.

Continue reading

Sinópse: Movimento ZEITGEIST

zeigeist1

Sinópse do Movimento ZEITGEIST:

A mudança social só pode se concretizar se duas circunstâncias se encontrarem. Uma, o sistema de valores humanos, que consiste de nossos entendimentos e crenças, tem que se atualizar e mudar através da educação e atenta instrospecção. Dois, o ambiente deve ser mudado para suportar a nova visão do mundo. A interação entre as pessoas do sistema de valor e seu ambiente é que influencia a conduta humana.

Por exemplo, em nossa cultura, “ética” é realmente um ponto de vista, porque o nosso sistema social incentiva a competitividade e o interesse próprio. Essa perspectiva não só nos “guia” a uma conduta de aberrações… O cria diretamente. A corrupção é a norma da nossa sociedade e a maioria das pessoas não a vê, desde que a sociedade se apóia neste comportamente, é considerado correto e normal, ou um ponto de vista.

Dado esta explicação, há uma falácia que há emergido onde certos grupos são considerados “corrúptos” e os demais são considerados “bons”.  Essa é a velha visão do mundo de “eles e nós” a quela não tem bases empíricas, porque é, outra vez,  questão de ponto de vista. Por exemplo, há um grande movimento de pessoas que constantemente fala sobre “A Nova Ordem Mundial” e da nação que tem uma elite que tem tratado de tomar conta do mundo desde muito tempo e tem manipulado a sociedade de várias maneiras para alcançar suas metas.

Isto é, com certeza, verdade até certo ponto.

Mas, a falha da consciência é que este “grupo” não é um grupo do todo. É uma tendência.

Se você olha a gente de cima que estão metidos no controle controle hegemônico global, será questão de tempo para que outro grupo dê o primeiro passo para alcançar a mesma ambição.  Portanto, não são os grupos de indivíduos que representam um problema. Na realidade são as condições sobre as quais a gente tem sido acostumada e adoutrinada.  Claro, muitos argumentam contra este ponto de vista com a noção escapista de “é a natureza humana” a causa da competitividade e a necessidade de domínio. Isto não se suporta pelos fatos. Na verdade, nós somos como uma “lousa branca” ou “tabula rasa” quando nascemos e é nosso ambiente que forma quem somos e como será nosso comportamento. (Decerto que temos poder escolha também.)

Portanto, para que a verdadeira mudança ocorra, devemos gastar menos tempo com os produtos desta estrutura enferma e mais tempo em mudar as causas primeiras. Tão difícil e temível como pode ser o pensar, é a única maneira em que nosso planeta pode mudar para melhor.

Nós podemos continuar esmagando as formigas que saem de baixo do refrigerador, mas até que removemos a comida que está por trás, elas simplesmente continuarão saindo.

Tradução: Paulo Übermensch

Texto retirado de:

http://thezeitgeistmovement.com/synopsis.htm

Facebook