Tag: mestre

Kung Fu x Musculação

bruce-lee kung fu filme martial art www.destruidordedogmas.com.br

Todo mundo conhece alguém que faz academia, seja para ter saúde, um corpo em forma, ou simplesmente uma insatisfação constante com o seu corpo.

Já conhecer alguém que faz kung fu, ou outra arte marcial com filosofia, é raro.

A resposta talvez esteja nas coisas mais básicas das duas atividades, eu mesmo já pratiquei as duas e tenho que confessar que academia não me satisfez nenhum pouco.

Mas vamos as diferenças que percebi nas duas práticas. E claro, há exceções para tudo.

Continue reading

O Revolucionário de Sofá e a Síndrome do Mestre

Comentário de avanselmo: Vídeo bonitinho, porém, mais do que repetir o que todo revolucionário sofá pensa, poderia citar algum tipo de ação: o que eu tenho que fazer para sair do sofá e realmente fazer diferença?

Sim é um video bem feito (afinal faço audiovisual), mas devo fazer duas perguntas cruciais, “de onde vemos esse video?”, e “para onde vamos depois de ver esse video?”.

É muito fácil, lugar nenhum!

Esse discurso já é carne de vaca. Infelizmente por mais que seja algo já extremamente conhecido as pessoas tem uma síndrome que gosto de chamar a Síndrome do Mestre. Elas não farão nada até aparecer uma espécie de Messias/Mestre para elas e indicar o caminho.

Somos inundados de histórias assim em nossa cultura, desde Daniel San do Karate Kid até Neo do Matrix, desde Moisés até Jesus Cristo, até Sidarta Gautama, o Buda, pensou assim durante muito tempo. Estamos condicionados a obedecer, sem contar toda a mecânica social/trabalhista que é assim, fazemos o mínimo possível para podermos voltar para a casa e esperar que o dia de amanhã seja menos cansativo que o de hoje.

Continue reading

Estamos atrás da Tecnologia Ainda

Vejo que a tecnologia muitas vezes é usada de forma errada, principalmente aquela que usamos todos os dias, como ipads, videogames, dvd portáteis.

Existe uma característica nesse tipo de tecnologia quando se é lançado, é uma ordem de reações sobre ela. Quando o ipad foi lançado, muitas pessoas compraram, mesmo quem não usasse nada nele, estão dando para crianças, e fazendo elas esquecerem  o significado de brincar e usar a imaginação para criar aventuras imaginárias, ou mesmo jogar algo no mundo real, lá fora. Exemplo.

E estamos passando por essa fase agora, a da introdução da tecnologia no dia-a-dia das pessoas, uma fase única na história da humanidade. Mas infelizmente não estamos sabendo domar ela, aliás, não se vê motivo para isso, pois as empresas lucram em cima da venda e não do quão eficiente o consumidor pode ser com o produto que adquiriu, e isso me causa certo medo, pois utilizamos além da necessidade a maioria das tecnologia adquirida nas últimas décadas, e isso nos faz perceber que, como diria o mestre Gonzalo Ferreyra: “o ser humano está numa época de se reconstruir”, e isso com certeza é verdade, podemos ver o como vivíamos a 100, 50, 20, ou mesmo 5 anos atrás, as coisas mudaram demais, e isso afeta o funcionamento de nosso cérebro, consequentemente nosso comportamento.

Continue reading

O Domínio do Ser Mais Inteligente

comprimento

Einstein achava que todo mundo deveria se tornar vegetariano.

Os vegans de hoje em dia fazem documentários e camisetas tentando traumatizar/conscientizar as pessoas, através da morte e sofrimento deles(os animais).
A melhor forma de prender um pensamento numa pessoa é ligar ela a um sentimento, pois apenas com o sentimento envolvido que a memória se anexa nas profundezas do ser.
Os animais realmente são feitos de escravos, usados como cobaia, maltratados, mortos e até usados/educados para servir de companhia pelas pessoas, podemos até chamá-las de facistas. Dizem que é “Desumano” tratar os animais assim, mas esquecem que a humanidade nunca tratou os animais como “humanos”, alguns tratam com respeito, mas a maioria pensa que é superior a eles.

Como vemos na Lenda Da Dança Do Búfalo da Europa, nos períodos das grandes cavernas, cerca de 30 000-10 000 A. C.

Aproximadamente a 15 mil anos atrás existiam um grupo de pessoas que caçavam, uma pessoa se fantasiava de búfalo perto de uma manada, eles se sentiam curiosos perante a criatura similar a eles, e o fantasiado fazia eles seguirem ele até um penhasco, até que sua tribo saia das moitas assustando eles, os buffalos assustados pulavam em direção ao penhasco para a morte, muitos morriam, e os que sobravam eram mortos pelas flechas e lanças da tribo.
Numa época, os búfalos pararam de pular no abismo, e uma menina falou que se um búfalo pular ela se casaria com ele, vários pularam instantaneamente, e ela se casou com uma deles. Seu pai procupado foi atrás dela depois de um tempo, mas os búfalos descobriram e o pisotiaram até não sobrar nenhum membro distinguível.
A menina ficou extremamente triste e o búfalo comovido falou para ela que se ela achar algum pedaço do corpo do pai daria para ressucita-lo, a garota foi procurar e conseguiu achar uma pedaço de uma vértebra. Ela imediatamente usou a magia humana para reconstituir o pai, o Búfalo ficou impressionado com a magia dela e resolveu ensinar a ela como que os búfalos voltam a viver, com a Dança dos Búfalos, pois quando eles morriam no penhasco logo depois eles dançavam e os seus amigos mortos voltam a andar pelos pastos.

Nessa época existia um respeito enorme dos humanos pelos animais, pois uma coisa é caçar, outra coisa é anular a vida de um animal para que ele consiga entopir melhor suas artérias com sua gordura.

Carne sim, mas vamos ser homo-sapiens, pois ser humano, esse alter-ego, só distorci a filosofia essencial do ser.

Ignorância Sábia

velho-da-praca

Sim, estamos numa constante mudança.
Mas para o que visamos, sendo que andamos sempre a esmo
cavaleiros errantes auto questionadores da verdade
que a cada cidade visitada, uma gota é acrescentada ao vaso do conhecimento
em que insistimos pensar que está sempre quase cheio,
quando na verdade isso só impossibilita o abastecimento continuo da sabedoria
seja humilde o bastante pra falar que não sabes tudo,
é o unico conselho do sábio, pois nem ele sabe tudo,
mas é um dos poucos que não para (de abastecer)
por causa disso.

Sobre Artes Marciais

boxe2

As artes marciais se desenvolveram a partir de sistemas de audodefesa para pessoas não-violentas. Ao defender a si mesmo, você talvez precise fazer alguma coisa violenta, o que, de um modo geral, é contrário à sua filosofia espiritual. Mas você consegue fazê-lo sem violência, na sua mente? Consegue – Se suas emoções são integradass, se você tem um acesso controlado a suas emoções, se sua emoção instintiva não viola seu padrão de pensamento. A espada mata, mas isso não exige a presença de fúria na mente. Essa é a idéia Geral.

Numa excelente narrativa das artes marciais, um guerreiro samurai está vencendo uma luta contra o homem que matou seu pai.Mas, quando leva o inimigo à parade e está prestes a cravar a espada do corpo do homem, sua vítima lhe cospe no rosto. O guerreiro, de súbito, baixa a espada e se afasta do adversário. O que Houve? Quando o homem cuspiu nele, a fúria e o ódiosurgiram na mente do samurai, e seria errado matar com fúria e ódio na mente. Esse é o objetivo geral das artes marciais: Ser um guerreiro que incorpore um profundo acesso e controle das emoçõese do movimento do corpo vital.

_______________________________________________________

Nota do Destruidor de Dogmas: Muitas pessoas tem o conceito errôneo sobre lutas, disciplina e filosofia, talvez por nunca terem feito algo assim ou entrado no mundo incrível que são as artes marciais. Talvez essas pessoas mesmas são as que mais precisam das coisas que a luta disciplinada oferece, mas como disse Joseph Campbell “você só deve ler coisas que ti chamam a atenção que realmente você se sinta atraído por aquilo”, e eu concordo com isso. Tudo tem seu momento.

Facebook