Tag: cultura

Uma viagem ao redor do mundo não constrói caráter

Backpacker Walking on Trail --- Image by © Anthony West/Corbis

Já cansei de conhecer pessoas com feitos, viagens, que sabiam diversas línguas, e mesmo assim totalmente desinteressantes.

Difícil de acreditar né? Sempre quando nos encontramos com alguém que viaja queremos ouvir suas histórias e só pensar que essa pessoa andou de avião várias vezes já nos impressiona e nos dá um outro olhar sobre ela, nos iludimos, projetamos a imagem do ser aventureiro, mas muitas vezes estamos errados e o que aconteceu?

Muitas coisas, uma das mais importantes envolve a Percepção.

Continue reading

Escolarizando o Mundo – Completo Legendado [Schooling the World]

Sinpse:

O filme examina o pressuposto escondido da superioridade cultural por trás dos projetos de ajuda educacionais, que, no discurso, procuram ajudar crianças a “escapar” para uma vida “melhor”.
Aponta a falha da educação institucional em cumprir a promessa de retirar as pessoas da pobreza — tanto nos Estados Unidos quanto no chamado mundo “em desenvolvimento”.
E questiona nossas definições de riqueza e pobreza — e de conhecimento e ignorância — quando desmascara o papel das escolas na destruição do conhecimento tradicional sustentável agroecológico, no rompimento das famílias e comunidades, e na desvalorização das tradições espirituais ancestrais.

Finalmente, ESCOLARIZANDO O MUNDO faz um chamado por um “diálogo profundo” entre as culturas, sugerindo que nós temos, ao menos, tanto a aprender quanto a ensinar, e que essas sociedades sustentáveis ancestrais podem ser portadoras do conhecimento que é vital para nossa própria sobrevivência no próximo milênio.

schooling the world escolarizando o mundo documentario documentary www.destruidordedogmas.com.br

Culturas Ultrapassadas

Grafite na Vila Madalena -SP

A minha amiga tinha me pedido para escrever pra ela sobre Touradas, pois ela está na Espanha e resolvi fazer um texto pra ser postado aqui.

Devo começar falando da diferença que nos auto-entitulamos com relação ao resto do universo, para muitos somos Humanos, não animais, e que como Deus diz na bíblia, os animais estão aí para servir o homem. E realmente, os animais nos ajudaram durante milênios não há dúvida, muitos foram domesticados, outros tiveram suas vidas cercadas, e hoje em dia temos esses dois tipos de relação com o animal levados ao extremo.

Mas ainda há um terceiro tipo de relação com o animal, o entretenimento.

Antigamente caçávamos, fazíamos rituais, ou deixávamos eles brigando, na Espanha os touros são assassinados pelos gladiadores atuais, no Brasil há rodeios, no México a briga de Galo, na África a briga de escaravelhos, e o hipismo tráz um pouco de classe para o sofrimento do animal, e ainda é considerado esporte.

Continue reading

Gigantes, nossos irmãos mais velhos e mestres.

Há milhares de anos, e em milhares de lugares se contam a história de que gigantes um dia viveram entre nós e nos ensinaram muitas coisas, astronomia, matemática, arquitetura, ética… Nos civilizaram.

Essa ao que tudo indica não é uma história fictícia extraída do imaginário humano, pois ela está em todo lugar mesmo. E assim como em uma investigação se observamos a mesma história sendo contada diversas vezes é porque algo de verdade tem.

A maioria, se não todas as construções megalíticas do mundo parecidas com Tiahuanaco, Sascsayhuacan, ilha de páscoa, muro das lamentações e por aí vai, são datas de outra era, mais de 10 mil anos atrás. As civilizações que lá moravam que conhecemos geralmente acharam esse lugares já construídos!

Representação da partida de Aztlan no códice Boturini.

Representação da partida de Aztlan no códice Boturini.

Wikipedia:
“A terra prometida por profecias foi encontrada através de um sinal numa ilha do lago Texcoco: alguns indivíduos avistaram uma águia (símbolo do deus Huitzilopochtli) sobre um cacto, e foi nesse local que se estabeleceu Tenochtitlán.” “A palavra asteca significa “gente de Aztlan”, uma importante cidade com localização desconhecida”

“Em meados do século XIX, Ignatius Donnelly, no seu livro Atlantis: The Antediluvian World, procurou estabelecer a ligação entre Aztlan e o suposto “continente perdido” Atlântida da mitologia grega; contudo os pontos de vista de Donnelly nunca foram reconhecidos como credíveis pela maioria dos académicos.”

Mas existem muitos documentários tentando provar a conexão entre a lenda e os povos antidiluvianos. Depois de acharem a estrutura megalítica no Japão em Yonaguni, e as pirâmides submersas do triângulo das bermudas (post altamente indicado pra complemento) fica realmente difícil de não acreditar, pois tudo leva a crer em uma civilização antes da nossa, antes de pelo menos 10.000 anos antes de cristo.

Continue reading

Documentário: O Símio Mutante / The Changing Ape (2010)

Sinopse:
No coração sufocante do Senegal, em um lugar chamado Fongoli, uma chimpanzé realiza um ato inusitado. Ele tira um galho de árvore, mastiga as folhas, afina a ponta e, como uma ferramenta, enfia-o dentro de um buraco de árvore, matando um gálago. Em suma, ele vem fazendo ferramentas para caçar. Somente os seres humanos deveriam ser capazes disso. Jill Pruetz, antropóloga, nos leva ao profundo e fascinante mundo selvagem. Ela estudou por 9 anos esse local, dando-nos acesso exclusivo a não apenas as suas habilidades de caça inovadoras, mas de seus outros modos estranhamente humanos. Eles passam a maior parte de seus dias na terra, mergulhando em lagoas e até mesmo usam cavernas para dormir. Com a ajuda de especialistas em nossos primeiros ancestrais e provas recém-descobertas da idade da pedra sobre o chimpanzé, adentramos numa jornada científica que revela tanto sobre nós mesmos como o faz sobre os notáveis chimpanzés de Fongoli.
Dados do Arquivo:
Produção: Eleanor Grant
Qualidade: DVDRip
Áudio: Inglês
Legenda: Português
Tamanho: 700 MB
Duração: 00:50:17
Formato: AVI
Servidor: Peeje
————————————————————————————————————————————–

Massa Crítica e Mudanças Sociais: O Centésimo Macaco

Macaco Japonês da ilha de Koshima

Cerca de meio século atrás, um jovem macaco Japonês da ilha de Koshima desenvolveu o hábito de lavar suas batatas-doces. O hábito se desenvoveu por todo o restante da população de macacos. Nenhum deles está vivo atualmente, mas seus descendentes ainda lavam as batatas-doces.


Este post foi anteriormente publicado no meu blog particular, mas a audiência é   muito menor que a do Destruidor de Dogmas, e dada a natureza da mensagem  neste texto, considero muito importante que ele seja divulgado o máximo possível. 

Atualmente, em termos da primavera árabe, o poder de mudança criado pela massa crítica dos cidadãos comuns do mundo já é bem mais fácil de ser percebido. Ainda assim, vale destacar o embasamento científico do fato:

“O Centésimo Macaco” é um livro onde o autor Ken Keyes Jr. pede que se divulgue a mensagem ao maior número possível de pessoas. Transcreverei aqui trechos do livro:

(…)
“Há uma história que eu gostaria de lhe contar. Sua mensagem pode conter a única esperança de um futuro para a nossa espécie!É a história do centésimo macaco:
O macaco japonês da vem sendo observado há mais de trinta anos em estado natural. Em 1952, os cientistas jogaram batatas-doces cruas nas praias da ilha de Kochima para os macacos. Eles apreciaram o sabor das batatas-doces, mas acharam desagradável o da areia. Uma fêmea de um ano e meio, chamada Imo, descobriu que lavar as batatas num rio próximo resolvia o problema. E ensinou o truque à sua mãe. Seus companheiros também aprenderam a novidade e a ensinaram às respectivas mães. Aos olhos dos cientistas, essa inovação cultural foi gradualmente assimilada por vários macacos.
Entre 1952 e 1958, todos os macacos jovens aprenderam a lavar a areia das batatas-doces para torná-las mais gostosas. Só os adultos que imitaram os filhos aprenderam esse avanço social. Outros adultos continuaram comendo batata-doce com areia.
Foi então que aconteceu uma coisa surpreendente. No outono de 1958, na ilha de Kochima, alguns macacos – não se sabe ao certo quantos – lavavam suas batatas-doces.
Vamos supor que, um dia, ao nascer do sol, noventa e nove macacos da ilha de Kochima
já tivessem aprendido a lavar as batatas- doces. Vamos continuar supondo que, ainda nessa manhã, um centésimo macaco também tivesse feito uso dessa prática.

 

ENTÃO ACONTECEU !

Os Corpos das Estátuas da Ilha de Páscoa

Possível fake?

Inacreditável? Sim, eu mesmo ainda não acredito muito, mas devo dizer que faria muito sentido. Muito provalmente é outro Hoax que estão espalhando por aí, pois só há blogs com essas fotos e alguns sites suspeitos, nenhum jornal. Muitas pessoas pensam que elas só tem cabeça, pois várias estão mostrando apenas elas (as cabeças), mas como podem ver pelas fotos abaixo essa idéia é errada.

Atualizado 22/05 – Depois de um tempo pesquisando isso realmente acreditei que era um Hoax pelos motivos acima, mas uma amiga (Júlia Prado) minha me mostrou uma foto que ela mesmo tirou do mesmo lugar da foto acima, então ou simplesmente não há fotos nem pesquisa sobre o assunto na internet. Pelo o que ela me disse a ilha não tem fundos para cavar os moais, até porquê já movimento um número considerável de pessoas por lá, assim como Tiahuanaco na Bolívia, que tem sua maior parte ainda soterrada.

Mas fica a pergunta, já sabíamos que essas estátuas eram antigas, mas agora com esse tanto delas cobertas por terra poderemos saber mais ou menos a quanto tempo estão por lá. Quanto será?

Meu chute? Por volta do mesmo tempo dos templos da Bolívia e Peru, 16000 A.C.

E porquê há Moais não terminados? E um é muito semelhante com Buda, está sentado na posição de Lótus ao que parece.

Investiguemos.

Veja as Fotos e uma explicação do Projeto abaixo.

Continue reading

A Molécula do Espírito / The Spirit Molecule (2010)

Sinopse:
Documentário que tece uma visão sobre as pesquisas pioneiras do Dr. Rick Strassman com DMT (dimetiltriptamina), com uma abordagem multifacetada a este intrigante alucinógeno encontrado no cérebro humano e em milhares de plantas. Utilizando entrevistas com uma variedade de especialistas para explicar seus pensamentos e experiências com DMT em suas respectivas áreas, e com os relatos  dos voluntários  da pesquisa de Strassman, o documentário traz à luz os incríveis efeitos deste composto, e teorias de longo alcance sobre o seu papel na consciência humana.Vários temas abordados incluem possíveis papéis para o DMT endógeno; seu papel nas experiências de quase-morte e de nascimento, nas experiências de abdução alienígena; e semelhanças sinistras com textos proféticos da bíblia que descrevem experiências similares à do DMT. Nossos especialistas colaboradores oferecem um conjunto abrangente de informações, opiniões e especulações sobre o uso de DMT em populações indígenas, a história e o futuro das pesquisas psicodélicas, e as recentes pesquisas com DMT. Tudo isso, para ajudar a entender a natureza da experiência com DMT, e seu papel na sociedade humana e na evolução.

A sutil combinação de ciência, espiritualidade e filosofia na abordagem do filme lança luz sobre uma série de idéias que podem alterar consideravelmente a forma de o homem entender o universo e se relacionar com ele.

Dados do Arquivo:
Direção: Mitch Schultz
Qualidade: DVDRip
Áudio: Inglês
Legenda: Português
Tamanho: 699 MB
Duração: 01:13:46
Formato: AVI
Servidor: Peeje
————————————————————————————————————————————
————————————————————————————————————————————-

————————————————————————————————————————————-

Fonte Docverdade

Facebook