Respeite Minha Religião

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Nessa fase da minha vida de muito trabalho e busca pelo deus mais popular do século XXI – o Sr. Dinheiro –  é tão bom encontrar pessoas que expressam o que sinto! Além de me economizar tempo e “penso”* para organizar a escrita, acabo por me expressar sem me atrapalhar com as palavras!

*penso = a trabalheira de pensar, segundo uma mulher muito prática! Um dia conto a historinha desse “neologismo”.

Então, abaixo está um texto da escritora  Dorothy Murdock, mais conhecida  como “Acharya S”expert em religião. O texto foi traduzido pelo querido fundador deste site: o Mako, a quem sou grata! E o texto expressa o que sinto com relação as religiões, e vou além: quando as pessoas trocarem as religiões dos homens por Meditação, aquela que leva ao autoconhecimento e consciência, então o amor florescerá!

“Respeite minha religião” texto de  Acharya S

“Nos dizem freqüentemente para “respeitar a religião das pessoas.” Em primeiro lugar: muitas idéias religiosas são muito desrespeitosas para com o ser humano, assim, não merecem ser respeitadas. Em segundo lugar: e a troca sobre as pessoas respeitarem a nossa religião?

A palavra “religião” vem do latim religiō, que significa, dentre outras coisas, “consciência” ou “escrupulosidade.” Em minha perspectiva da realidade, eu me esforço para ser extremamente escrupulosa e consciente. Portanto, alguém poderia me chamar de “religiosa” e minha perspectiva de “religião”.

Minha religião não chama as pessoas de “infiéis”, “hereges”, “góis”, “pagões” ou “pecadores”, que são o “outro” , “diferente de nós” e dignos de desprezo, exploração ou pior.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião não pede que as pessoas que não a sigam sejam atacadas, odiadas, subjugadas ou escravizadas.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião não tem gigante, antropomorfizado, um Deus másculo no céu, em algum lugar “lá fora” separado e à parte da humanidade, que impõe a todo o momento.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião fala que não há fatos revelados divinamente direto da boca de Deus que representam “a fé verdadeira”.

Por favor respeite minha religião.

A minha religião não concorda com os chamados textos sagrados cheios de violência, brutalidade e crueldade.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião proíbe o assassinato de mulheres e garotas para “proteger a honra.”

Por favor respeite minha religião.

Minha religião proíbe casamento de crianças e outros casamentos forçados.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião não concorda em forçar pessoas a cobrirem seus corpos só porque suas genitais são de um gênero específico.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião não concorda com o apartheid de gênero, onde homens e mulheres são segregados puramente por causa de suas genitais.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião proíbe que genitais de crianças de ambos os gêneros sejam mutiladas por causa de imposição “religiosa”.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião é baseada em consciência, não em genitálias.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião valoriza observação científica e a moral humana, não crença supersticiosa e fanatismo violento.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião não permite morte ou outra punição por blasfêmia ou apostasia, etc.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião se opõe a invasão, estupro e roubo em nome de um deus.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião proíbe decapitação ou outra forma de assassinar um ser humano vivo, a fim de defendê-la de “insultos”.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião valoriza a vida mais que a morte e proíbe a matança em seu nome.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião não permite a amputação das mãos por roubo ou apedrejamento e enforcamento por adultério.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião proíbe homossexuais de serem enforcados ou mortos de outra forma simplesmente por causa de sua orientação sexual.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião trata crianças com gentileza, amor e afeição, e não batendo nelas e ensinando-as a odiar os outros.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião não necessita de orações, uma vez, cinco vezes ou qualquer outra quantia por dia.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião não está interessada em controlo de mentes, portanto o que você faz dentro da privacidade de sua mente é da sua conta, mas minha religião diz que perturbar lugares públicos e o local de trabalho para rezar é anti-social, agressivo e digno de desaprovação.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião se opõe a som alto de sinos e de gritos microfonados, que atrapalham os vizinhos e causam divisão.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião encoraja pessoas que se opõe e falam contra a opressão, censura, violação dos direitos humanos e abuso de animais onde quer que eles forem, em qualquer cultura ou país, e praticado por qualquer grupo étnico ou religioso.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião pede para as pessoas se oporem as crenças religiosas que são viciosas, de ódio, sexistas e violentas, independentemente da religião, da fé, seita ou culto.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião pede dignidade e respeito para o indivíduo, que é livre para acreditar ou desacreditar em qualquer momento, em vez de ser forçado a aderir a uma religião em particular, através de ameaças de violência e do fogo do inferno.

Por favor respeite minha religião.

Minha religião encoraja cantar, dançar e aproveitar a liberdade de amar a vida.

Por favor respeite minha religião.”   texto de  Acharya S

bjoka

4 Comments

  1. SEN-SA-CIO-NAL!!

    • Alexsander - o GRANDE

      24 de janeiro de 2015 at 3:25 PM

      Sua religião basicamente é atacar religiões. Não, não respeito sua religião, ateu militante!

      • Ola Alexssander, meu objetivo e o que faço não é atacar, e sim, pontuar os erros e acertos de cada religião e pessoa, existe um caminho saudável em que todos podemos caminhar, independente do que acreditamos, desde que haja respeito e que nao fechemos nossos sentimentos, pois devemos sentir para evoluir, e ser ateu militante vai se provar algo muito frustrante pra vc, pois todos acreditamos naquilo que estamos preparados para acreditar, nao vai ser alguem q nao conhece a historia emocional de alguem que irá mudar isso, sua energia irá apenas bater em um muro e cair no chão. Mas todos temos tempo de perceber, as vezes precisamos errar para aprender, um caminhho inevitável, portante se achar que é certo orbigar os outros a acreditarem na sua crença, tudo bem, mas tenha consciência que nao respeitar a crença dos outros é ser igual as pessoas que vc condena.

  2. Amei a essência de seu texto… minha religião é o respeito e a tolerância, não preciso de rótulos religiosos para ser bom, minha religião é a busca pelo equilíbrio emocional, espiritual, intelectual… minha religião é o amor às pessoas e à natureza…. um grande abraço!!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×