0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Marte é o nosso planeta vizinho, o mais próximo deles, tem um tamanho parecido e tudo indica que havia água no estado líquido por lá não se sabe quando, e a humanidade está trabalhando para colonizar esse planeta, antes da Lua que se encontra muito mais perto.

E para fazer isso vai ser uma verdadeira guerra, como o seu próprio nome sugere, o Deus da guerra, pois há muitos desafios a serem superados para se estabelecer uma colônia no planeta vermelho e percebi uma estratégia da empresa Tesla, ou melhor, das empresas do Elon Musk.

O primeiro desafio para se chegar é baratear as missões e fazer com que o foguete chegue lá inteiro ou que uma parte dele volte para a Terra, e isso faz com que o valor de cada missão caia drasticamente, e também seria possível levar grandes cargas para outro planeta.

O turismo espacial estaria bem mais próximo, e ele iria financiar as missões de Marte.

A Tesla Gigafactory, que é a maior estrutura do mundo em metros quadrados é também outra solução para países com crise energética, e já foi colocado a prova e solucionado o problema de alguns países. Isso tudo é o test-drive do que irá acontecer em Marte, se é possível construir algo assim tão high-tech aqui, os benefícios de construir lá com uma base do tamanho de uma vila são enormes.

E mais uma vez, esse tipo de serviço na Terra está pagando pelo o que irá acontecer em Marte.

Outra forma em que Elon Musk pensa em ajudar a humanidade é com carros elétricos, que nos próximos anos vai ter sua versão barata, e com o HyperLoop, que vai deixar as viagens de avião obsoletas, pois planeja-se construir um túnel gigante em que as pessoas possam se locomover a 1200km/h.

Transporte será um grande desafio em Marte, e como Jacque Fresco dizia, é mais fácil construir uma cidade do zero do que atualizar a antiga, e isso será feito em Marte.

É possível observar um padrão, Elon Musk quer solucionar os elementos básicos da humanidade, transporte, energia, e viagem espacial e isso com certeza vai tornar a Tesla como empresa absoluta no futuro, caso ninguém entre como pioneiro também.

Indico todos a verem a série Marte que está no Netflix.