0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Os cães há milhares tem sido o melhor amigo do homem, eles fazem nossas vidas mais felizes e nos ajudam muitas vezes.

Mas saiba que nem sempre foi assim, antigamente não existia cães, apenas seus ancestrais, os lobos, e todos sabemos que eles muitas vezes não são amigáveis, alias, se você ver um provavelmente a melhor ação a tomar é correr e subir em algo.

Mas de alguma maneira os nossos ancestrais viram que alguns não eram agressivos, seus níveis de stress ao ver o ser humano ou outra raça não disparavam, e isso possibilitou o primeiro contato humano/cachorro.

Gerações foram passando e o ser humano foi selecionando aqueles cachorros que eram menos estressados, consequentemente menos agressivos, e foi ficando cada vez mais fácil domesticar e confiar nos nossos novos amigos.

E claro, todo cachorro que mordia, ou mostrava que não podia ser confiado era abatido ou não deixavam cruzar. Não por serem maus ou selvagens, mas simplesmente porque seus níveis de stress aumentavam rapidamente, fazendo seinformacao, disparar, seu corpo se enrijecer, e a sensação de insegurança aumentar.

Morriam por ter uma predisposição, e o ser humano tomou conta de darwinizar isso.

Na nossa raça acontece a mesma coisa, algumas pessoas respondem liberando substâncias a mais ou menos em seus sistemas corpóreos, e isso nos faz nos adaptar ou nos excluir de dos grupos que fazemos parte.

Alguns podem ter mais empatia e ajudar mais os outros, outros podem ter o nível de stress sensível e se desesperar com decisões e situações não planejadas.

Muitas vezes julgamos elas pensando que tudo depende da educação e do quão maduro a pessoa é, mas os seres são mais complexos que isso.

Temos o corpo, as emoções, a informação, o raciocínio, a alma, a predisposição genética, o ambiente, a educação, os exemplos, e o sistema moral a se considerar, julgar sem pensar nisso tudo é um ato ignorante, ignorante por nem se questionar sobre os fatores que levam um ser a ser como ele é, ou agir como age.

Exige uma intenção de entender, dcatapultar comentários ignitados por emoções não ajuda, pelo contrário, traz consigo a cultura de que se deve comentar de forma leviana a vida das pessoas e ainda prejudicar elas em vez de socorre-las.

A vida de ser alguém correto não é fácil, mas com certeza é mais harmoniosa.

Obs: No Filme Ninfomaniaca do Lars Von Trier é possível ver um pouco disso retratado de forma belíssima.