0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Nesses últimos dias tivemos um tornado em torno do comercial do Boticário que mostrava de forma singela casais héteros e gays, algo que o mundo vê desde que o homem era macaco, mas isso tem se tornado um tópico de interesse público por causa da seita evangélica propagadora de ódio e intolerância.

O boicote com a Boticário está ativo ainda, e perfumes foram jogados fora como se fossem obra do Demônio, uma pena todo mundo ter usado a obra do diabo até então.

Mas piadas a parte, agora vem a Microsoft lutando a favor do amor, assim como outras empresas que já assumiram serem a favor da aceitação, afinal, todos devemos amar, independente de quem.

Agora a  Microsoft lançou um comercial nos EUA de seu serviço de e-mails Outlook.com.

E o que virá com isso? Muita coisa boa.

gay_microsoft

Claro, para passar para a parte boa devemos primeiro passar pelo ruim, e já estamos nela, em época de Parada Gay e transexuais pregados na cruz a bancada evangélica se sente ameaçada e desrespeitada.

Afinal, pra eles que enxergam o mundo de forma pixelada qualquer coisa que sai das palavras distorcidas dos pastores é visto como alvo. Infelizmente sua visão de mundo só possibilita uma forma de viver, excluindo todo o resto, e fazendo as pessoas que acham esse é o caminho sofrer, como gays crentes que acham que jesus vai curá-los.

Agora só resta para os intolerantes serem como os mórmons extremistas, não usar tecnologia nenhuma.

Pois se Microsoft apóia gays publicamente o que os evangélicos irão usar? Linux? A Apple já falou que também é favor do progresso, Google(Android) e Facebook também. Vai restar apenas o Jesusmail mesmo para eles usarem assim.

Ou melhor, vão voltar ao tempo de Jesus cristo, pois se todas as grandes marcas estão entrando nesse barco quem fica pra trás se afoga na própria ignorância.

boticario-dia-dos-namorados

Os evangélicos já viraram piada para a humanidade, e você pode ver isso em dois páginas criadas no facebook simplesmente para tirar sarro deles, páginas que comentam algo tão absurdo e pior que muita gente concorda. Veja a página Igreja Internacional e a página “oficial”  do grupo militar evangélico chamado Gladiarores do Altar.

Se Deus criou o Homem, ele criou todos eles, ama todos eles, amar alguém do mesmo sexo não significar comprar seu ingresso pro inferno, significa sair do caminho que uma religião intolerante prega, Deus é amor, se pessoas amam, isso é uma coisa boa, se fazem sexo com pinto ou com a vagina não é nosso problema, o que vemos é amor.

A igreja ainda não cansou da caça as bruxas, da inquisição, e de ditar regras de como viver, felizmente hoje em dia já conseguimos achar respostas filosóficas e morais em outros lugares, nem todo mundo precisa de deus para saber como viver a vida.

Aliás, se fosse preciso isso, seria preciso uma religião desse século, uma nova.

Por que não se atualizar e abraçar a humanidade? Veja o caso do Papa, fazendo um belíssimo trabalho, melhor que todos os outros. Procurando entender as pessoas e suas diferenças.

Estamos num movimento único no mundo, temos tecnologia, e temos o conhecimento a disposição, o que precisar é lutar contra quem quer voltar a viver nas cavernas,

Quem bom que essa “revolução” conta com a ajuda de grandes marcas, pelo menos pra isso elas estão fazendo um bem, visando um lucro futuro, mas fazendo um bem. E o inverso é verdadeiro, pastores pregam o ódio para ganhar mais dinheiro no final, apesar de ninguém perceber, tudo isso é puro marketing.

Afinal, igrejas não pagam impostos e passam até cartão de crédito no culto por um motivo.

monkey-chimp-money-1200