Category: Uncategorized

Ninguém Aplaude essa Mulher Porque Ninguém Sentiu Tanta Culpa

Vale a pena ver o documentário sobre Relações Publicas, O Século do Ego.

Igualdade

Foto por Kevin Carter, vencedora do Prêmio Pulitzer de 1994.

Foto por Kevin Carter, vencedora do Prêmio Pulitzer de 1994.

Igualdade.. eis um conceito extremamente importante: a igualdade que importa não é a da uniformidade. Aqui, neste contexto humano, ainda, no século 21, estamos falando de igualdade no direito de estar vivo, alimentar-se, ter o minimo de segurança. Não estou referindo à igualdade de TER, ou de acumulação de bens e riquezas até porque isso é imensamente irrelevante. Estou referindo à igualdade de SER, no sentido da dignidade humana. De amar incondicionalmente a ponto , pelo menos, de não sentir-se confortável em permitir que outros seres morram de fome. Pouco me importa quantos sejam milionários, isso não me faz a menor diferença. O que me importa é que ainda haja gente morrendo de fome, e que a nossa sociedade não tenha desenvolvido compaixão  SEQUER na medida para não permitir que isso aconteça.
Estamos falando da capacidade (ou da falta dela) para amar incondicionalmente. Amar incondicionalmente mesmo aqueles que não tem capacidade suficiente para fazer o que poderia lhes ajudar. Amar incondicionalmente, é portanto apoiar incondicionalmente. Sem amor tornado ação, resta apenas letra morta.
É claro que a fome é responsabilidade da sociedade. Exatamente na mesma medida em que a riqueza é responsabilidade da sociedade. Basta ver a riqueza de algumas sociedades, que foram mais capazes de equilibrar seus vetores. Não existe fome na Suécia, e seria um crime tirar dos suecos e da sociedade sueca o mérito deles por isso…. aliás, o maior mérito deste exemplo de sociedade é saber limitar o conceito de mérito. Existem muitas diferenças de resultados e salários que as pessoas tem na suécia. Mas como sociedade responsável e bem estruturada, ela não permite que ninguém passe fome. Que ninguém morra sem assistência. É absolutamente clara a responsabilidade; a diferença é que no caso da sociedade na Suécia, eles ASSUMIRAM a responsabilidade e lidaram com ela. No caso da maioria das sociedades, elas simplesmente deixaram que cada um “se virasse”. A diferença é essa: uma é uma sociedade-modelo para o mundo. Outras são monstruosidades disfuncionais que permitem toda degradação humana sem assumir responsabilidade coletiva por isso.
“a meritocracia é um dos fundamentos de ordenamento social mais reacionários que existe, com potencial para produzir verdadeiros abismos sociais e humanos” Renato Santos de Souza (UFSM/RS)
Artigo preciso e precioso sobre um tema altamente controverso. É longo, mas absolutamente essencial. Faça um favor a si mesmo e à sua sociedade: não se permita falar em meritocracia sem ter lido isso.
http://jornalggn.com.br/fora-pauta/desvendando-a-espuma-o-enigma-da-classe-media-brasileira#.UzYzMC3qqpw.facebook
A propósito, Vale a pena reler, até para saber se você ENTENDE o que significa a Declaração Universal dos Direitos do Homem. Talvez você descubra que não acredita que todos mereçam dignidade e humanidade. Se esse for o seu caso, sinto muito, discordamos imensamente.
http://www.ohchr.org/EN/UDHR/Documents/UDHR_Translations/por.pdf

Partículas de Deus

Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Nunc semper viverra quam. Pellentesque egestas, est feugiat tempor egestas, elit enim sagittis ante, eu sollicitudin erat felis vel ante.
Continue reading

Lançamento de Livro

Donec dictum leo enim. Fusce vitae lacinia quam. Donec sit amet urna viverra, venenatis ante ut, placerat felis. Fusce at magna at orci commodo viverra eget ullamcorper elit. Aliquam tincidunt dolor elit, ullamcorper sollicitudin orci egestas id. Sed laoreet odio sed pharetra hendrerit. Pellentesque vel ipsum non eros posuere lobortis ut in dolor. Cras neque quam, posuere dictum convallis vitae, blandit quis nisl. Etiam facilisis ut nisl eget ornare. Praesent a posuere risus. Cras varius dictum massa, sed tincidunt lorem volutpat ultricies. Maecenas volutpat lectus at mauris fermentum, vel auctor magna adipiscing. Pellentesque consectetur feugiat semper. Donec ornare tellus vestibulum, accumsan mi vel, pretium nunc. Nullam leo lorem, tincidunt sit amet sapien quis, volutpat pulvinar est. Aenean cursus ultricies lectus eu faucibus.
Continue reading

A Garota Tattoada

Suspendisse ullamcorper metus non nunc porttitor mollis. Cras condimentum hendrerit ligula vitae ornare. Proin at dui ut elit congue volutpat. Phasellus tincidunt neque massa, et feugiat orci hendrerit eu. Curabitur et dictum odio. Maecenas consequat metus sit amet nisi tincidunt laoreet. Pellentesque faucibus massa ac velit vestibulum elementum.
Continue reading

Líderes Falam, Mas Muitos Não Entendem.

africa-futuro-guerreiro2

De que adianta fazerem tantas campanhas para a PAZ, contra o abuso
infantil, violência contra a mulher e tudo mais?! Muda algo?!

Não adianta muita coisa, pois o desejo deles ainda continuam, reprimir não significa que conseguimos curar essa doença social, e sim que ela vai explodir mais cedo ou mais tarde. Devemos procurar curar a essência desse problema no psicológico das pessoas. Acabando com a necessidade de guerras, abuso infantil e violência de todos os gêneros a paz está feita.

Dizia Mahatma Gandhi que “Não existi um caminho pra Paz, a Paz é o Caminho”, se tivermos paz interior, e conhecermos nossos defeitos, sabendo como enfrentá-los, essas coisas epifenomenais não irão acontecer mais, é nisso que eu e muita gente pensa, pena que as pessoas se preocupam muito com propaganda, jogar frases ao vento e ver se acerta alguém para que ela tenha um insight e pare de fazer as coisas que pensa fazer ou faz, é ter muita sorte, ou ter um dom descomunal.

Devemos estruturar o psico das pessoas, pois todas esses males são resultantes de uma série de outros problemas, quando uma pessoa vai no terapeuta, ele vai por causa de um problema, mas para resolve-lo se busca resposta e outros problemas/traumas menores nas profundezas do ser da pessoa, achando os alicerces que constituíram o problema, fica “fácil” desabar todo o resto.

Muitos Pseudo Líderes propagandistas e populistas falam de sua posição privilegiada do topo da sociedade e não enxergam as raízes do caos.