0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Não é o CO2 o único responsável – e nem poderia ser -, há uma míriade de fatores. Mas antes de expô-los, há a necessidade de deixar claro que o planeta não esta torrando; o aquecimento se refere a deslocação da média da temperatura do Holoceno (período atual) para poucos graus acima. Isso não vai torrar nossos cérebros ou ferver os mares. O que realmente preocupa é que esse simples deslocamento da média muda de forma descomunal (e nunca presenciada por nossa espécie) os padrões climáticos e vegetacionais do nosso planeta azul (os quais são tão importantes pra nossa agronomia, por exemplo). Ou seja, partes do globo irão realmente ficar muito mais secas e quentes, mas outras partes irão ficar muito mais úmidas e frias.
E a vegetação é, sim, a reguladora da temperatura da Terra, principalmente as florestas (afinal, o vapor liberado pela evapotranspiração das plantas é um eficiente amortecedor da temperatuda, haja vista o valor alto do calor específico da água).
Agora podemos citar outros fatores que desencadearam as mudanças que estamos vendo (o Texas com suas plantações colapsando, o Rio Grande do Sul com uma lamentável catástrofe pluvial, São Paulo perdendo sua característica garoa diária há aproximadamente 20 anos atrás etc.). Primeiro, o Metano é um gás que contribui para o efeito estufa (o qual é benéfico, se não nosso lar planetário seria uma grande bola de gelo). Segundo, a atividade industrial crescendo exponencialmente, liberando não só gazes na atmosfera, mas retirando grandes áreas de vegetação (por extrativismo ou mesmo para construção de casas), as quais fixariam CO2 e manteriam o microclima de uma região mais estável. Terceiro, a poluição dos rios, os quais também contribuem para a estabilidade climática. (Neste terceiro ponto, devo recaptular tua informação sobre o vapor de água reter muito mais calor. Realmente, a água tem alto calor específico, e retem muito calor antes de mudar de estado. Mas conforme a molécula esquenta, ela sobe na atmosfera, e portanto resfria (e, então, temos chuva)!!
Só não compreendo o porquê do CO2 levar “centenas de anos” para mostrar efeitos aquecedores, afinal, a química nos ensina que, uma vez presente, o elemento demonstra seus efeitos no ambiente (exceto alguns efeitos radioativos, que precisam ser acumulados para serem percebidos na forma de câncer, por exemplo). Aliás, há várias décadas, como Al gore contou no seu documentário sobre a verdade inconveniente, que um pesquisador mede as concentrações de gazes do efeito estufa. O problema não está nas primeiras fases da concentração demasiada, e sim na parte alta do gráfico, onde uma curva sigmóide pode mostrar que a estabilidade chegou a mensuração; antes que os efeitos fossem relevantes, as causas não seriam notadas e, portando, controladas.
O último comentário que faço é sobre teu argumento de que a Terra já apresentou 10 vezes mais CO2 na sua atmosfera na sua história geológica. No entanto, deve-se considerar em que época essa concentração chegou a tais níveis; houve inúmeros períodos em que vulcões gigantescos vomitaram os gazes, como na barreira Permiano-Triássico ou ainda na famigerada Cretáceo-Terciário (sabemos disso graças a análises geológicas e a constatação das crises biológicas concomitantes). Nesses períodos, realmente as concentrações de CO2, enxofre, Metano e outros aumentou de forma incompreensível para nossos cérebros macacóides. Citei só duas, mas houveram 5 grandes extinções – além de muitas, muitas outras extinções mais regionalizadas.
Portanto, o aquecimento se refere a poucos graus, e apenas isso pouco preocupa; o que as pessoas que compreendem esse dado realmente temem são as consequências: a inversão/translocação/inserção de padrões que atingirão todos ecossistemas, os quais demoraram milhões de anos para se reestabelecer (e se reestabeleceram, pois a vida se mostra mais tenaz do que pensavamos). Mudanças, graduais ou não, são o insumo para extinção. E essa possibilidade não é paralela ao Homo sapiens.

_______________________________________________________________________________________________

Gostaria  de agradecer ao Comentário e complemento do meu tópico a “Aquecimento global Existe?”.
Valorizo qualquer idéia potencializadora do nome desse blog.